Canadá: Um país de oportunidades, mas com muito para retificar
CanadáHistória

Canadá: Um país de oportunidades, mas com muito para retificar

Revista Amar - toronto - canada - caio-silva-l3mNDwVVT10-unsplash
Créditos © Caio Silva

 

Sim, o Canadá é um país de oportunidades. Mas, infelizmente, não são oportunidades para qualquer um, e assim não há igualdades para todos da mesma forma ou maneira. Não estou a dizer isto como crítica, mas para realçar que este ano tem sido um ano complicado para a nossa História, e deveríamos de refletir sobre a realidade do Canadá.

Temos muita sorte porque nascemos, crescemos, ou migrámos para um país seguro, diverso e estável. Com o trabalho árduo dos nosso pais, avós ou de nós próprios, muitos de nós estam em melhores situações. Isso é bom! Devemos ter orgulho dos nossos esforços! Mas, não foi assim para todos nesta terra. As culturas, línguas e diversas Histórias das comunidades Indígenas do Canadá foram, durante séculos, sistematicamente agredidas. Isto tem impactos até hoje, principlamente depois das descobertas, deste ano, de sepulturas não marcadas nas escolas residências em Kamloops, British Columbia e em Manitoba. E ainda estamos para preceber a realidade existente e as ramificações e consequências que possam daí resultar.

Neste Dia do Canadá, imploro que os leitores da Revista Amar revisitem as origens de onde vivem. Este país que se chama Canadá era, antes de tanta immigração – que modificou e urbanizou este terreno -, uma terra de centenas de línguas, culturas e comunidades diversas de populações Inidígenas. No Dia do Canadá vistem www.native-land.ca, para aprenderem quais culturas e línguas Indígenas canadianas viviam exatamente onde hoje está a vossa casa . Onde vives? Saber onde vivemos é importante, para podermos respeitar, valorizar e honrar as terras que hoje não estam vazias, porque foram partilhadas e roubadas às gentes que já cá estavam há milhares de anos. Já o hino do Canadá o diz “our home on native land”! Damos graças às oportunidades, ao nosso trabalho árduo, mas também devemos dar valor e respeitar as centenas de comunidades Indígenas espalhadas no Canadá, as gentes originárias desta terra.

Sara Isabel Vieira

Redes Sociais - Comentários

Ver também
Fechar
Botão Voltar ao Topo